Vasco vira no fim e sai na frente na decisão Cariocão

Botafogo e Vasco da Gama entraram em campo neste domingo (01), para o primeiro duelo da decisão do Campeonato Carioca. No gramado do Estádio Nilton Santos, o Gigante da Colina voltou a mostrar porque é conhecido como time da virada e marcou no minuto final para garantir a vitória pelo placar de 3 a 2. Os tentos do Cruzmaltino foram marcados por Yago Pikachu (2) e Andrés Ríos. O resultado coloca a equipe do Vasco em vantagem para o segundo jogo da decisão.

No próximo domingo (08), as equipes se enfrentam novamente para a definição do destino do título estadual de 2018. Antes disso, o Gigante da Colina terá um compromisso importante pela fase de grupos da Conmebol Libertadores. Nesta quarta-feira (04/03), o time comandado por Zé Ricando encara o Cruzeiro, no Mineirão, às 21h45.

O JOGO

O clássico decisivo entre Vasco e Botafogo começou movimentado. Aos três minutos de bola rolando, Renatinho balançou as redes para o adversário: Botafogo 1 a 0. O Gigante da Colina não se abateu e, logo na sequência, levou perigo para os alvinegros com Yago Pikachu. Ele cobrou lateral para Wagner, que mandou de cabeça para Rafael Galhardo, na entrada da área. O lateral-direito se ajeitou e bateu cruzado, mas a redonda acabou saindo pela linha de fundo.

As chances do Cruzmaltino seguiam sendo criadas. Aos 11 minutos, Giovanni Augusto limpou a marcação e deixou Riascos em boa condição para marcar. Mas o goleiro Gatito Fernández antecipou para ficar com a bola. O Botafogo respondeu aos 17, quando Moisés recebeu e arriscou da entrada da área, vendo a bola raspar a meta de Martín Silva. Quando o cronômetro marcava 24, mais uma boa oportunidade para o Vasco, quando Giovanni Augusto fez boa jogada pela esquerda e acionou Riascos, que finalizou para a defesa de Gatito.

 
 


Chegando com perigo constantemente, o gol do Gigante da Colina foi questão de tempo. Aos 28 minutos, Wagner recebeu de Riascos e cruzou na área. Yago Pikachu pegou de primeira e estufou a rede de Gatito: VASCO 1 a 1. A comemoração foi dupla, porque logo na sequência Wagner deixou com Riascos, que limpou a marcação e cruzou rasteiro para ele novamente, Yago Pikachu marcar mais um e comandar a virada: VASCO 2 a 1. Aos 40, o Cruzmaltino chegou perto de ampliar. Quando Pikachu deu para Rafael Galhardo infiltrar e finalizar com perigo, rente a trave direita do Alvinegro. Antes do apito final da primeira etapa, Brenner voltou a empatar: Botafogo 2 a 2.

Na volta para o segundo tempo de jogo, a primeira boa chance do Vasco veio aos cinco minutos. Fabrício fez boa jogada pela esquerda e deu passe para Paulinho. A joia vascaína ganhou da marcação e bateu para a defesa de Gatito. No rebote, Paulinho buscou a redonda novamente, que acabou saindo pela linha de fundo. Mais adiante, aos 13, Rafael Galhardo cobrou escanteio e encontrou Paulinho, que bateu no meio do gol para a defesa do camisa 1 do Botafogo. Quando o cronômetro marcava 30 minutos, o Gigante chegou com Thiago Galhardo. O meia limpou o marcador pela direita e bateu cruzado sem o goleiro, mas a defesa adversário apareceu para tirar.

No minuto final o Gigante voltou a mostrar porque é o time da virada. Thiago Galhardo cobrou escanteio, a bola desviou no volante Wellington e sobrou para Andrés Ríos. O argentino deu de voleio e fez a festa com a torcida vascaína: VASCO 3 a 2.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 2 X 3 VASCO DA GAMA
Campeonato Carioca 2018 – Final – 1º jogo

Local: Estádio Nilton Santos, Rio
Data: 1 de abril de 2018
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhães de Miranda (RJ)
Auxiliares: Wagner de Almeida Santos (RJ) e Michael Correia (RJ)
Gols: Renatinho (03’/1ºT – Botafogo), Yago Pikachu (28’/1ºT – Vasco), Yago Pikachu (30’/1ºT – Vasco), Brenner (44’/1ºT – Botafogo) e Andrés Ríos (48’/2ºT – Vasco)
Cartões amarelos: Renatinho e Rodrigo Lindoso (Botafogo) / Fabrício, Wellington e Rafael Galhardo (Vasco)

VASCO DA GAMA: Martín Silva, Rafael Galhardo, Paulão, Erazo e Fabrício; Desábato, Wellington, Yago Pikachu, Giovanni Augusto (Paulinho) e Wagner (Thiago Galhardo); Riascos (Andrés Ríos). Técnico: Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello e Moisés; Marcelo, Rodrigo Lindoso, Renatinho (Marcos Vinícius), Leonardo Valencia (Rodrigo Pimpão) e Luiz Fernando; Brenner (Kieza). Técnico: Alberto Valentim.

(*) Com informações do CRVG






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *