Secretaria de Agricultura de Itaperuna, com apoio da FIPERJ e EMATER-RIO, finaliza a construção da unidade demonstrativa de piscicultura no município

Objetivo do projeto é incentivar os produtores na criação de tilápia

A Secretaria Municipal de Agricultura de Itaperuna, em parceria com a Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (FIPERJ) e EMATER-RIO, concluiu a construção das instalações do projeto da 1ª Unidade Demonstrativa de Piscicultura de Itaperuna – RJ, que tem o objetivo de incentivar a criação de organismos aquáticos na região Noroeste. Os três viveiros semiescavados foram construídos na localidade de Poço Fundo, zona rural do município, medindo 1000 m² e um tanque de decantação de 10% da área de cultivo de acordo com a legislação vigente, totalizando 3300m² de área de cultivo.

 
 


São mais de 250 produtores de toda a região que poderão participar de cursos, palestras e dias de campo na própria unidade, com temas e práticas de educação ambiental, manejos em sistemas de cultivos adequados à região, alimentação, manejo de dejetos, entre outros.

Toda as práticas e manejos serão realizadas pela equipe técnica da FIPERJ de forma sustentável para minimizar os impactos ao ambiente e incentivando o cultivo de alimento de qualidade.

A Secretaria Municipal de Agricultura tem realizado visitas aos produtores rurais para verificar possibilidades de construções de outros viveiros, ofertando maquinário e mão de obra, incentivando assim, os produtores para a criação de tilápia, onde a região Noroeste é referência em todo o Estado do Rio de Janeiro.

“Esse projeto estava sendo pedido pelos produtores há mais de cinco anos e agora nós colocamos ele em prática. Estamos dando a atenção que todos eles merecem”, disse Marcus Vinícius de Oliveira Pinto, prefeito de Itaperuna.

(*) Com informações do DECOM – Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itaperuna






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *