Projeto da Secretaria do Ambiente de Itaperuna é aprovado por unanimidade na Câmara de Compensação Ambiental do Estado

A Secretaria Municipal do Ambiente de Itaperuna (SEMAI) conquistou na Câmara de Compensação Ambiental do Estado do Rio de Janeiro, na última quinta-feira (01), a aprovação por unanimidade do Projeto de Fortalecimento das Unidades de Conservação de Raposo. A aprovação vai garantir a instalação da sede administrativa da unidade no distrito de Raposo, de onde a SEMAI fará a gestão de todas as unidades de conservação do distrito e de toda área pertencente ao município.

Idealizada pelos responsáveis técnicos do Projeto Onda Verde, a unidade foi toda projetada para funcionar em oito contêineres e será totalmente autossustentável com energia gerada por captação solar e eólica. A sede será desenvolvida para receber pesquisadores, turistas e estudantes que receberão informações e palestras sobre a fauna e flora da região, aulas de educação ambiental, entre outros. O projeto inclui ainda dois veículos, equipamentos de informática, de monitoramento de fauna, mobiliário e sinalização das Unidades, um total de R$ 2.164.000,00 investidos na preservação do Meio Ambiente.

 
 


“Queremos agradecer a proprietária da Fazenda Monte Alegre, Adriana Nascimento Sanches, que nos acompanhou neste importante momento e que, literalmente, emocionou os conselheiros, levando alguns inclusive às lágrimas, afirmando em outras palavras que não adianta legislar e gerenciar, sentado em uma cadeira no ar condicionado, que é preciso conhecer a realidade de proprietários, que como ela, realmente defendem o Meio Ambiente e que estão na frente da batalha na luta contra caçadores e desmatadores”, disse a bióloga e subsecretária do Ambiente, Maria Inês Tederiche Micichelli.

(*) Com informações do DECOM – Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itaperuna






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *