Policiais da região estão em uma megaoperação deflagrada para cumprimento de mais de 100 mandados de prisão

Uma megaoperação acaba de ser deflagrada em Campos. A expectativa é de que sejam cumpridos, nesta quinta-feira (09/08), cerca de 126 mandados de prisão e de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca da cidade. Até o momento há três presos na 146ª Delegacia Legal de Guarus e os casos de flagrantes, números de prisões ainda não revelados, estão sendo encaminhados para 134ª Delegacia Legal do Centro.

A ação, que acontece simultaneamente em vários bairros da cidade, é coordenada pelo Comando Conjunto junto à Secretaria de Estado de Segurança, e envolve Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO/MPRJ), as Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal (PRF), com o apoio da 2ª Companhia de Infantaria de Campos e do Corpo de Bombeiros Militar. Entre os alvos dos policiais estão acusados de tráfico de drogas e associação ao tráfico.

 
 


A Operação Integração acontece em casas populares de sete diferentes conjuntos habitacionais. De acordo com o pedido do GAECO/MPRJ, acatado pela 1ª Vara Criminal de Campos, as habitações foram invadidas por traficantes de drogas da região, que expulsaram os moradores com o objetivo de implementar, nestas localidades, redutos para depósito de armas e de drogas, ponto de venda de entorpecentes e abrigo dos seus comparsas.

As casas populares, localizadas nos conjuntos habitacionais Codin, Eldorado, Novo Eldorado, Parque Aeroporto, Parque Prazeres, Parque Santa Clara e Santa Rosa, foram invadidas mediante violência e/ou grave ameaça, de acordo com as investigações. Os criminosos expulsaram os moradores de suas residências e as invadiram, chegando a executar os resistentes quando não atendidos.

Como a grande maioria dos moradores que tiveram suas casas invadidas não prestou queixa às autoridades policiais, com medo de represálias, o GAECO/MPRJ oficiou à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social de Campos solicitando a listagem dos logradouros referentes às casas invadidas, a fim de que o Poder Público pudesse agir em prol das famílias prejudicadas.

A região é dominada pelo narcotráfico, onde inúmeros homicídios e tentativas tem ocorrido, sendo que, no corrente ano até o Inicio de agosto foram registradas na 146a DP, 154 vítimas de tentativas de homicídio e 120 vítimas de homicídio, todas com ligação com o tráfico de drogas.

No total, mais de 800 homens do Exército e das Polícias Civil , Militar e Rodoviária Federal participam da ação no município do Norte Fluminense. As diligências dos agentes da lei servirão para a busca de armas de fogo, munições e material utilizado para a prática de crimes inerentes ao narcotráfico, além da verificação da existência de elementos que indiquem o local dos pontos de tráfico de drogas na região.

(*) Com informações e Fotos do Ururau






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *