Aos 74 anos, morre Rogéria no Rio de Janeiro com infecção generalizada

Morreu no final da noite desta segunda-feira (04) Astolfo Barroso Pinto, mais conhecido como Rogéria. Foi maquiadora na extinta TV Rio e vedete. Morou no exterior, apresentando vários shows, e em 1979 recebeu o Troféu Mambembe, pelo espetáculo que fez ao lado de Grande Otelo. Rogéria tinha 74 anos, e faleceu em decorrência de uma infecção generalizada no Hospital da Unimed-Rio, na Barra, onde se internou para tratar um quadro de infecção urinária. Chegou a ter alta no último dia 25, mas voltou para o hospital ao se sentir mal novamente.

 
 


Rogéria nasceu em Cantagalo, no interior do estado do Rio de Janeiro, a mesma cidade de outra figura célebre – Euclides da Cunha. Virou transformista e assumiu uma carreira de maquiador. Antes disso, virou figura assídua no auditório da Rádio Nacional, particularmente nos programas estrelados pela cantora Emilinha Borba e de quem era fã incondicional.

Figura frequente no cinema brasileiro, participou também como jurada em vários programas de auditório nas últimas décadas, de Chacrinha a Gilberto Barros e também Luciano Huck.






Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *